Este é o 6º e último artigo da série: Cinco passos para se prevenir do desvio e roubo de cargas.

 
Quando eu fazia mestrado, tinha um companheiro que era gerente de logística de uma grande joalheria. Eu morria de rir com uma história que ele me contava sobre o transporte de joias. Quanto tiveram que fazer a mudança de uma loja para outra, eles usaram senhoras de mais avançada idade, que levavam em suas bolsas, com alguns seguranças seguindo-as de longe, muitas joias. Pois quem imaginaria que aquelas senhorinhas carregavam fortunas em suas bolsas?

Já é possível ver muitos veículos particulares, como carros de passeio, fazendo entregas de eletroeletrônicos e produtos mais caros. Um carro chama menos atenção do que um caminhão ou um VUC (Veículo Urbano de Carga). Isso é uma maneira de manter um veículo com perfil mais baixo.

Se para o seu negócio a propaganda que um caminhão adesivado causa é pouco impactante, então porque adesivar ele. Seus clientes verão sua marca, é verdade, mas os criminosos também saberão o que há nele. Imagine se a casa da moeda usasse caminhões adesivados?!

É importante informar a sua equipe que não devem contar a esmo sobre o valor de uma carga, ou sobre o que estão transportando. Em todo lugar em que há uma grande confluência de motoristas de caminhão, há também um pequeno restaurante ou barraca vendendo comida e alimentos. E nestes pontos, as vezes tomando um café, algum funcionário pode dar uma informação que não deveria.

A melhor maneira de evitar um roubo, é não deixar ser percebido pelos criminosos.